Como organizar mudança: o passo a passo para uma mudança tranquila

Já se mudou e não sabia por onde começar o processo? Veja neste artigo como organizar mudança de uma forma mais eficiente.

O cenário de crise devido à pandemia do novo coronavírus teve um impacto inesperado no mercado imobiliário. Isso porque, diferente de outros setores, ele apresentou resultados positivos com taxa de juros Selic baixa e uma nova demanda por imóveis espaçosos criada pelo confinamento. Assim, essa procura fez com que as pessoas adquirissem novos imóveis e precisassem organizar suas mudanças.

Organizar uma mudança não é uma tarefa fácil. Encaixotar tudo e levar para outro imóvel exige paciência e tempo. Contudo, é possível simplificar esse processo e torná-lo mais eficiente gastando menos tempo e dinheiro. 

Como organizar mudança de forma eficiente

Organizar uma mudança exige bastante organização e paciência. Isso porque, o processo que antecede levar as coisas para o novo imóvel envolve várias etapas e é fundamental para que nada seja deixado para trás. Esse é o momento ideal para organizar o que vai entrar na mudança e o que você gostaria de se desfazer. Em alguns casos, a nova residência não comporta todos os seus antigos móveis e se desfazer de alguns se torna inevitável. 

Além disso, é imprescindível que objetos de valor ou delicados sejam embalados com o máximo de cuidado para que não se percam ou quebrem no trajeto. Para isso, ter um cronograma de tarefas é muito importante. Ele evita que algo importante seja esquecido e embalado por último, às pressas. Isso também ajuda na administração do tempo e acaba evitando o tempo ocioso gerado por não saber por onde começar. 

Outro ponto muito importante diz respeito à antecedência. É muito importante que não se deixe para começar a organizar a mudança em cima da hora. Assim, defina uma data para a mudança e depois decida o que será levado para o local. De acordo com especialistas de empresas de mudanças, o principal erro é chegar em uma casa bagunçada e simplesmente embalar tudo, sem separar o que realmente deve ir para a casa nova. 

Passo a passo para fazer mudança

Sabendo da importância da organização e antecedência na hora de organizar uma mudança ter um passo a passo estabelecido pode facilitar muito esse processo. 

Não tenha medo de desapegar

O momento da mudança é o ideal para mexer em tudo que está dentro da sua casa. Assim, é possível verificar o que está sendo usado, precisa de conserto ou pode ser doado ou descartado. Esse é o momento ideal, e garante que sua casa nova tenha apenas o que é necessário e querido para você.

Separe as caixas

O momento mais importante para uma mudança organizada é o de separação das caixas. As de papelão são as mais utilizadas para transportar itens em mudanças e a dica é numerar cada uma delas de acordo com cada ambiente da casa. Desse modo é possível saber para qual ambiente cada caixa se destina e bem mais simples do que tentar escrever em cada caixa os itens que estão contidos ali. Além disso, é preciso lembrar que alguns objetos não podem apenas ser colocados dentro das caixas. Para os móveis, o ideal é embalar com mantas para que não sejam arranhados ou danificados de qualquer modo. As louças, podem ser embaladas em plástico bolha ou em papel craft, garantindo sua segurança e mantendo elas limpas. 

Além disso, é importante lembrar e algumas dicas na hora de encaixotar;

  • Não sobrecarregue as caixas com muito peso. Isso evita que elas se abram;
  • Reforce com fita todas as laterais, fundo e parte de cima da caixa;
  • Coloque pequenas etiquetas com o que contém dentro de cada uma das caixas;
  • Embale louças  objetos frágeis com jornal ou plástico bolha;
  • Utilize malas como aliadas nesse processo.

Estabeleça critérios

Como dito, a hora de embalar requer muito cuidado e atenção. Nesse momento é preciso estabelecer critérios para garantir a preservação dos objetos. Esses critérios podem começar por ambientes e depois por itens. Eles estabelecem que não se deve misturar objetos delicados com aqueles mais resistentes, por exemplo. 

Caso opte por contratar o serviço de uma empresa especializada em mudanças, se informe se eles fornecem caixas específicas incluídas no valor do serviço. Algumas delas oferecem caixas diferenciadas para cada necessidade, como guardar talheres ou roupas penduradas em cabides.

Tenha cuidado

O cuidado com objetos frágeis também é essencial. Você não quer chegar em sua nova casa, começar a desempacotar seus objetos pessoais e descobrir que alguns deles quebraram durante o transporte. Caso a mudança não seja feita por uma transportadora especializada e você mesmo for embalar os itens, é preciso cuidado redobrado. Procure não deixar espaços sobrando nas caixas porque isso faz com que os objetos balancem e acabem se quebrando pelo impacto entre eles. Esses espaços podem ser preenchidos com jornal amassado.

Separe os objetos de valor

Se é importante ter cuidado com objetos frágeis, a atenção precisa ser redobrada quando pensamos naqueles que são valiosos. Por isso, leve todos os documentos em uma pasta ou mala de mão e jamais deixe na mão de terceiros os itens de valor, como joias, documentos e objetos de valor sentimental. O ideal é que você mesmo transporte esses objetos. 

Guarde os objetos que serão utilizados até o dia da mudança

Uma parte importante diz respeito ao que será utilizado por você e sua família durante o processo de mudança. Muitas pessoas esquecem de separar um kit contendo tudo que será empacotado no último dia da mudança já que será utilizado pelos moradores. Esse kit pode facilitar a vida nos dias de transtornos com a mudança. 

Desse modo, faça uma mala com itens pessoais para cada morador, com algumas peças de roupas, itens de higiene e carregadores de dispositivos eletrônicos. Além disso, separe em uma caixa talheres e louças que serão utilizados até o dia da mudança. Na hora de se mudar, basta lacrar essa caixa.

Garanta acesso fácil às informações

Caso opte por contratar uma prestadora de serviços para te auxiliar no processo de mudança, tenha todas as informações importante à mão. Em um caderninho você pode anotar a lista de caixas que serão levadas ao novo imóvel. Isso é muito importante para controle, principalmente se não é você que receberá a mudança na casa nova. 

Dicas para organizar a casa depois da mudança

Muito se enganam aqueles que acreditam que organizar mudança se restringe à empacotar e transportar seus bens pessoais. Uma mudança só é finalizada quando tudo é desembalado e a casa nova está pronta para ser habitada. Assim, algumas dicas também podem ser úteis para agilizar esse processo:

Informe-se sobre a dinâmica do condomínio

Se você está se mudando para um condomínio, é importante se informar sobre suas regras antes de iniciar a mudança. Isso porque, a maioria deles possui normas que visam o bem estar dos moradores, como lei do silêncio e limite de horários para realizar mudanças. Em algumas situações é preciso que o porteiro esteja à disposição para acompanhar todo o processo e por isso é preciso marcar uma data e horário com o profissional. 

Você pode se informar diretamente com o síndico. Isso porque ele é o principal porta voz das normas de boa convivência e conduta do local.

Conheça sua casa nova

Na hora de se mudar é importante conhecer sua nova residência. Assim, verifique os pontos de água, se o sistema de aquecido é elétrico ou a gás além de pontos de manutenção geral como se descargas e chuveiros e estão funcionando, por exemplo. Outra questão importante diz respeito à transferência da água, energia, telefone e internet. 

Desempacote por cômodos

A organização também é essencial na hora de desempacotar seus objetos. O ideal é realizar essa tarefa por cômodos e seguir uma ordem de prioridade para facilitar o processo. Comece pela cozinha e depois vá para o quarto de casal junto com as roupas. Além disso, lembre-se de ir descartando as caixas à medida que elas forem esvaziadas. Isso dá maior sensação de limpeza e facilita o processo

Organizar mudança: tempo e organização são a chave

Quando nos perguntamos como organizar mudança de forma eficiente a resposta na verdade é bastante simples. O ideal é não deixar para organizar a mudança de última hora, faltando um dia para levar os objetos ao novo apartamento. Além disso, na hora de empacotar tudo deve ser criterioso e o ideal é que todas as caixas sejam etiquetadas.

Independente de como será feita a sua mudança, lembre-se de que na hora de comprar ou alugar um imóvel é importante contar com parceiros confiáveis. A Casa Mineira Imóveis possui anos no setor imobiliário e autoridade no mercado de Belo Horizonte. 

encontre-seu-apartamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *