O que esperar do mercado imobiliário em 2018

Os financiamentos com recursos da poupança devem crescer em torno de 15% este ano.

É claro que, por se tratar de um investimento a longo prazo e, muitas vezes, do sonho de uma vida, comprar um imóvel, ainda que diante de um cenário otimista, causa certa apreensão. No entanto, é aqui que o conhecimento no mercado, pode te ajudar.

Segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), os financiamentos com recursos da poupança devem crescer em torno de 15% em 2018. Uma notícia pra lá de animadora para quem pretende se mudar ou investir na casa própria depois de vários meses de incerteza econômica.

Para se ter uma ideia, ainda nos últimos meses de 2017 - se comparado ao mesmo período de 2016 - o mercado já apresentava sinais de melhora, com um aumento significativo no número de vendas.

Ainda em 2017, como você bem deve ter visto, a taxa Selic foi a menor registrada desde 1986 - o que abre possibilidades para queda nas taxas de juros e, consequentemente, nos créditos de financiamento.

Leia mais: O que é taxa SELIC e como ela influência na compra do seu apartamento?

Aos compradores, é importante ressaltar que não se pode comparar os preços de hoje, com os praticados a alguns anos atrás. Os tempos são outros e muita coisa mudou.

As principais tendências do mercado imobiliário em 2018

Com a perspectiva de que a queda da Selic influencie também em melhores taxas para o financiamento imobiliário - que por sinal, já estão ocorrendo, e de juros mais baixos, o mercado ficará mais estável e o consumidor poderá, enfim, se sentir mais confiante para a compra.

Que tal começar a procurar o seu imóvel? Aí, você pode começar 2018 com tudo!

 

anunciar meu imovel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *